Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Letras Aventureiras | Por João e Luís Jesus

De João Jesus e Luís Jesus, nomeados os mais jovens escritores portugueses em 2016.

24
Out17

"Caneta na Mesa"

João Jesus e Luís Jesus

homework-2521144_1920.jpg

 Entro na sala de aula.

Raios! A pior época da escola tinha acabado de começar!

Testes! Os tão mal vistos testes!

E eu que gosto até de ir para escola (menos para ter aulas de Matemática e Físico-Química), começo a detestá-la quando chegam os testes todos seguidinhos, sem nenhum espaço entre eles.

Primeiro: não gosto porque ao estarem todos "colados" uns aos outros, é díficil decidir para qual vou estudar, por isso opto sempre por aquele que vem primeiro;

Segundo: detesto saber as coisas em que errei depois da sair da sala de aula;

Terceiro: detesto ainda mais saber que em vez de ordenar alguma pergunta de 1 a 10, assinalei uma das opções.

Era o primeiro teste do período. Rezava para que tirasse boas notas para que a minha mãe não me desse um raspanete e me tirasse o computador.

Sentei-me na cadeira, a professora entrega os testes.

Pela primeira vista, até parece que me vou safar. Começo a fazer tudo muito bem, tudo muito completo. 

A campainha toca, entrego o teste, satisfeito com o meu trabalho.

Junto-me aos meus amigos e pergunto-lhes as respostas da pergunta x. 

Sinto-me como se estivesse a cair. Já tinha errado uma.

Grunho e rezo, para que tire uma boa nota para a minha mãe não me tirar o computador.

 

20916630_852581441564418_1179582757_n.png

03
Ago17

"Crónica do João" - Refeiçõe$

João Jesus e Luís Jesus

la cronica.pngEste mês resolvi trazer um assunto recente, que nem faz parte das notícias de Julho, mas escolhi-o pois é realmente um assunto muito intrigante.

Há alguns dias, deparei-me com um assunto viral na internet. Resolvi ver e quando acabei de ler a notícia, os meus olhos ficaram presos numa imagem. Explicarei isso mais abaixo.

Como estamos na época alta do Verão, os turistas não param de chegar. Os pontos onde se encontram mais turistas são Porto, Algarve e Lisboa, que é o ponto onde esta notícia apareceu.

Em Lisboa, existe um restaurante chamado "Made In Correeiros". Por fora, o restaurante parece ser bastante atrativo. Então, a boa aparência faz com que muita gente, principalmente turistas, tenham curiosidade de ir lá, por exemplo, almoçar.

Há alguns dias, turistas e muitas mais pessoas, publicaram fotos das suas faturas naquele restaurante. Apenas um vinho que custa pouco mais de dois euros no supermercado, naquele restaurante chega aos cinquenta euros. Leu bem! Cinquenta euros! 

E aqui voltamos ao assunto da fotografia que vi. Era outra fatura. Os clientes tinham comprado duas coca-colas zero, uma coca-cola normal, duas mistas de peixe e um café. Os preços das coca-colas e café estão quase normais, embora ainda estejam um pouco altos, até que chegamos às mistas de peixe e vemos o preço: duas mistas de peixe custam duzentos e oitenta euros! 

Para uma refeição normal, é um valor exorbitante! Onde é que já se viu pagar mais de duzentos euros por uma simples refeição? 

Foi a partir destas imagens que muitas pessoas começaram a reclamar sobre os preços do restaurante, até que chegou aos ouvidos da Defesa do Consumidor e mídias. 

Agora, o restaurante está sempre vazio e ainda estão a investigar o porquê destes preços. Espero bem que baixem os preços, pois com eles assim podem ter a certeza que ninguém ira querer comer lá.

Calor

Mais sobre nós

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

João Jesus

Chamo-me João Jesus. Sou escritor e blogger! Sou português e habito num concelho do distrito de Vila Real! A leitura, a escrita e o filme são as minhas grandes paixões.

letrasaventureiras@sapo.pt

Luís Jesus

Chamo-me Luís Jesus. Sou ilustrador e blogger. Adoro ilustração e tecnologia. Apesar de ser ainda novo, o meu sonho é licenciar-me em engenharia informática e visitar países como a Austrália, Singapura, China e EUA.

letrasaventureiras@sapo.pt

Autora do Banner

DESIGNED BY JOANA ISABEL